• Jardim de Homenagem ao Poiarense

    Jardim de Homenagem ao Poiarense

  • Capital Universal da Chanfana

Programa Jovens Autarcas já tem vencedora

12-12-2018

Fátima Cardoso foi eleita jovem Presidente tendo como vere...

Centro de Competências da Caprinicultura reuniu em Assembleia-Geral

12-12-2018

  Assembleia-Geral do Centro de Competências da Caprin...

Almoço de Natal juntou mais de 400 pessoas

10-12-2018

Iniciativa dirigida a toda a comunidade sénior do concelho...

Município entregou prémios do Concurso Bebé Poyares 2018

11-12-2018

  Iniciativa premiou melhores fotografias no...

Terras da Chanfana já é Marca Registada

06-12-2018

Reconhecida como marca e fator de coesão da regi...

Poiares recupera linhas de água afetadas pelos incêndios

05-12-2018

Município promoveu sessão pública para explicar ...

Poiares recebeu Bandeira Verde Eco XXI

03-12-2018

Prémio reconhece boas práticas em matéria de des...

Poiares renova galardão de Município Amigo do Desporto

03-12-2018

Prémio recebido pelo segundo ano consecutivo Vila...

Pin It

pdf Regulamento para o Conselho Municipal de Juventude de Vila Nova de Poiares (CMJVNP)

 

O CMJVNP prossegue, nos termos da lei, os seguintes fins:

  1. Colaborar na definição e execução das políticas municipais de juventude, assegurando a sua articulação e coordenação com outras políticas sectoriais, nomeadamente nas áreas do emprego e formação profissional, habitação, educação e ensino superior, cultura, desporto, saúde e ação social; 
  2. Assegurar a audição e representação das entidades públicas e privadas que, no âmbito municipal, prosseguem atribuições relativas à juventude;
  3. Contribuir para o aprofundamento do conhecimento dos indicadores económicos, sociais e culturais relativos à juventude;
  4. Promover a discussão das matérias relativas às aspirações e necessidades da população jovem residente no município respetivo;
  5. Promover a divulgação de trabalhos de investigação relativos à juventude;
  6. Promover iniciativas sobre a juventude a nível local;
  7. Colaborar com os órgãos do município no exercício das competências destes, relacionadas com a juventude;
  8. Incentivar e apoiar a atividade associativa juvenil, assegurando a sua representação junto dos órgãos autárquicos, bem como junto de outras entidades públicas e privadas, nacionais ou estrangeiras;
  9. Promover a colaboração entre as associações juvenis no seu âmbito de atuação;
  10. Promover a colaboração com associações ou entidades com valências para crianças e jovens;